NO FUTURO, POR MAIS 50 ANOS.

Parte integrante da Bianchi Industry, uma empresa gerida com sucesso pela família Trapletti, a Bianchi Vending é uma das principais marcas Italianas especializada na produção de distribuidores automáticos para o sector do vending. Focada constantemente no desenvolvimento de tecnologias que melhor interpretam as novas práticas de consumo, a Bianchi Vending transforma as pausas para café numa satisfatória, envolvente e personalizável experiência. Tanto o consumidor final como o próprio profissional de vending, numa lógica de crescimento de negócio, estão no centro da estratégia de desenvolvimento com o objectivo da satisfação total. Um objectivo perseguido com paixão e competência por uma equipa de profissionais que com o seu trabalho tem estabelecido a Bianchi Vending como um genuíno produto "made in Italy" de referência no mercado global da distribuição automática.

HISTÓRIA

2015. Aquisição da Brasília, prestigiada marca italiana que ao longo da sua história muito contribuiu para o sucesso da tradição do expresso italiano. Neste mesmo ano é efectuada a reestruturação de toda a actividade com o nascimento da Bianchi Industry, unindo numa mesma realidade três grandes marcas: a histórica Bianchi Vending, Brasília e Bi-Shop, dedicada à distribuição automática no mercado retalhista. A tecnologia da Bianchi Vending para dar resposta às exigências da distribuição automática, as máquinas Brasília para satisfação das necessidades dos profissionais baristas, celebrando o ritual diário do café expresso. A Bianchi Industry disponibiliza uma completa gama de soluções para todas as necessidades e exigências da restauração e vending.

2014. Após uma interrupção de seis anos, a família Trapletti retoma a direcção da empresa criada por Angelo Trapletti em 1959. Hoje, ao leme do negócio da família, estão os seus filhos, Fabrizio, Roberto, Nadia, Mariella e Massimo, Presidente e Administrador delegado da empresa.

2008. A equipa italiana da ABN AMRO Capital efectua a compra da gerência e do portfólio de equidade privada anteriormente pertencente ao banco holandês em Itália e em Dezembro de 2008 as quotas de Bianchi Vending Group são transferidas para a FA CAPITAL Spa, cuja maioria é detida pelos fundos aconselhados e geridos pela Goldman Sachs, que também é investidor destes fundos.

2008. Em Janeiro de 2008, como conclusão de um processo de desenvolvimento e internacionalização de Bianchi Vending Group, ABN AMRO Capital Equity Fund adquire os restantes 40%, tornando-se o único accionista do Grupo.

2007. Em Janeiro de 2007, a Gem-Futurema é adquirida, uma empresa que traz a experiência de três gerações, desde 1946 até ao dia de hoje, nas tecnologias e desenvolvimento na extracção do expresso.

2006. Em 2006, é construída a nova fábrica Bianchi Vending em Pescara, onde é produzida a gama de máquinas de frio.

2005. Os 60% das quotas da empresa pertencem à ABN Amro Capital Equity Fund.

2002. Conclusão em 2002 da fusão com Tecnomet Itália, da qual o actual Bianchi Vending Group foi constituído.

2001-2005. Em 2001, os proprietários alargam os próprios horizontes financeiros transferindo 20% das quotas para o fundo da GE Equity Capital.

1998. São feitos acordos com sócios locais para criar filiais no estrangeiro, de forma a estar mais próxima dos mercados de referência.

1998. A fábrica de produção de Latina é inaugurada, de forma a fornecer 85% das componentes primárias para a produção do Grupo.

1992. Com o envolvimento pessoal dos proprietários, promove uma nova fase de lançamento da empresa.

1976. Bianchi adquire a marca Faema, todas as suas actividades com máquinas de venda automática, como também a marca registada.

1963. Foram construídos os primeiros distribuidores automáticos com a marca Bianchi.

1959. A empresa iniciou a sua actividade como importadora e distribuidora de máquinas de venda automática produzidas nos Estados Unidos.